Inspirações da semana [48]

Resultado de imagem para INSPIRAÇÃO

Falamos que estamos voltando, não é mesmo?

Então vamos nos inspirar?! ❤

  • Entregue, aceite! Quando o fluxo é consciente você será guiado para onde tem que ir. ~ Nowmastê
  • É tempo de falar sobre yoga ~ Isabella Brando
  • A gente se atropela ~ CONTI outra

Namastê!

🙂

Anúncios

Criei expectativas. E agora?

Resultado de imagem para expectativas

Você e a torcida do flamengo, não é mesmo? Não conheço ninguém que seja capaz de não criar expectativas. Elas são vistas como monstros horríveis, mas ninguém tem uma receita satisfatória pra não criá-las.

E sabem de uma coisa? Não são monstros. Não são algo de que precisamos nos livrar. Isso seria o mesmo que tentar eliminar nossas emoções (boa ou ruins). E no final das contas essas coisinhas nos tornam humanos.

Então, depois de muita reflexão, gostaria de compartilhar com vocês algumas tentativas de conclusões.

Em primeiro lugar, não se ache o único. Todos estamos andando pela vida criando expectativas. Alguns mais, outros menos, mas a verdade é que ninguém está imune a esta característica tão humana. E tá tudo bem.

Além disso, mais importante do que querer não criá-las (isso seria impossível) é aprender a lidar com elas de maneira saudável. Você pode usá-las como uma forma de criar a vida que deseja, como “dicas” do que vem do seu coração.

Porém, é importante não “jogar” o que você cria em cima das outras pessoas. Isso significa que a melhor forma de aprender a lidar com elas, é perceber que você não tem o direito de exigir que o outro aja da maneira que você criou, porque ele mesmo possui expectativas que podem ser bem diferentes das suas. Paciência.

E por fim, não se iluda achando que tudo vai ser como você deseja. Não é assim que a vida funciona. Aprenda a lidar com suas frustrações sem se revoltar. Tudo está como deve ser. E tá tudo bem.

Como diria John Green em “A Culpa é das Estrelas”, o mundo não é uma fábrica de realização de desejos.

Gostaria muito de saber o que vocês pensam sobre isso. Vamos conversar nos comentários?

Namastê!

🙂

Aprenda a se escutar

Resultado de imagem para meditação

Tudo que acontece na vida tem uma função. Quando essa função se cumpre, precisamos deixar ir. Nosso coração e nosso corpo nos dão os sinais. Aprendamos a escutá-los.

Esses dias passei por uma experiência dessas que nos deixa um aprendizado. Na verdade, nesse caso específico foram vários aprendizados vindos de um acontecimento só. É muito bom ter esta visão da vida: de que todas as experiências são boas, porque todas carregam algo a nos ensinar, mesmo e especialmente aquelas que numa olhada rápida pareçam ruins.

Por isso hoje estou aqui escrevendo depois de meses.

[Inclusive desculpem por esse semi-abandono, anda complicado conseguir tempo e inspiração – mas tá tudo bem]

Em resumo, aprenda a se ouvir, esteja atento a você mesmo, às suas necessidades e aos sinais que a vida dá sobre o que você deve fazer. Sei que intuição pode parecer algo muito abstrato ou mesmo uma grande viagem para os céticos, mas se você me lê neste momento, provavelmente não pertence a este grupo…

Então, se permita sempre um contato íntimo consigo mesmo, seja através da meditação ou de qualquer outra prática que te leve a realizar essa viagem interna. A vida nos exige milhares de coisas. Mas no final das contas o que importa de verdade está dentro da gente e só olhando pra nós mesmos é que encontraremos quaisquer respostas que estejamos buscando.

Seja você, porque só assim você vai entregar ao mundo o seu melhor e preencher sua vida de propósito. Não importa o que o mundo diga.

Namastê!

🙂

 

Por que a sua paz não pode depender de ninguém?

Resultado de imagem para foda-se

Ou “aprenda a ligar o foda-se e seja feliz”.

Muita gente fala sobre a necessidade de não se importar com a opinião dos outros. E isso não é só discurso vazio. Frequentemente podemos sentir na pele como se “blindar” pode ser essencial para uma existência mais pacífica.

A verdade é que não vamos agradar a todo mundo jamais. Pelo contrário, parece que as pessoas sempre vão encontrar algum motivo pra nos criticar, algum “defeitinho” que acham que precisamos mudar, seja em quem “nós somos”, no que fazemos (ou deixamos de fazer) ou em nossa aparência física.

O mais louco nisso tudo, é que essas pessoas não parecem se questionar se queremos a opinião delas ou mesmo se o que incomoda na visão delas está nos incomodando. E muito menos vão se dar conta que talvez estejamos tendo um trabalho de Hércules pra nos aceitar, e que críticas só vão nos jogar pra baixo.

Por isso não tem muito jeito: ou aprendemos a lidar com criticas destrutivas de uma forma que não nos afete tanto, ou nosso emocional e nossa auto-estima vão viver em montanha russa.

Além disso, é importante também não “surtarmos” com o que os outros estão pensando sobre nós, porque muitas vezes a realidade é que estão todos tão focados nas próprias vidas que nem estão reparando. Você julga e repara nos outros o tempo todo?

O jeito então, pessoas, é construir a nossa própria forma de felicidade em todos os âmbitos da vida. Tratemos de sermos felizes conosco mesmos e vamos deixar a opinião dos outros pra eles mesmos. Se estão vendo algum problema em nós, na verdade é um problema deles mesmos que se recusam a lidar.

Partiu ser feliz?!

Namastê!

🙂

Inspirações da semana [41]

Resultado de imagem para inspirações

Oi gente linda, vamos de inspirações?

  • Como a não-ação pode revolucionar a tua vida ~ Ser mais feliz
  • Entrevista: Yoga como aliado na luta contra a bipolaridade ~ Personare
  • 7 maneiras de criar uma vida de onde você não precise escapar ~ CONTI outra
  • [Vídeo] Saia da miséria interior e atraia o que sua alma precisa pela não-mente ~ Gisela Vallin

Ótimo restinho de semana e um final de semana maravilhoso pra você!

Namastê!

🙂

Você tem lembrado da sua máscara de oxigênio?

Resultado de imagem para mascara de oxigenio aviao

Acredito que a maioria das pessoas já deve ter se deparado com a analogia da máscara de oxigênio no avião. A aeromoça explica que em caso de emergência, máscaras de oxigênio cairão à sua frente, e que você deve colocar a sua antes de prestar socorro à pessoa ao seu lado, seja ela quem for.

E não é assim na vida? Precisamos nos “salvar” antes de tentar salvar os outros. Em alguns momentos, é possível, sim, guardarmos um pouco nossos problemas pra ajudar aos outros, mas a verdade é que isso não pode ser feito indefinidamente. Precisamos nos olhar e nos acolher tanto ou mais do que fazemos pelos outros. E em primeiro lugar, inclusive.

Uma pessoa em pedaços, não vai ser capaz de juntar os cacos de outra. Por isso, se colocar em primeiro lugar não é egoísmo. Na verdade é praticamente urgente que façamos isso, porque todos estamos precisando de cura em algum aspecto.

Por isso, jamais se culpe por se olhar e se cuidar. Jamais se culpe por precisar fazer algo por você que você preferia não ter que fazer. Se ame em primeiro lugar! A vida sempre manda sinais do que precisamos no momento. Esteja atento a esses sinais e fique feliz por se ouvir.

Você merece ser curar tanto quanto qualquer outra pessoa.

Namastê!

🙂

Ps: Pessoas de Juiz de Fora, estou abrindo uma turma de yoga. Se alguém tiver interesse pode comentar aqui ou, melhor ainda, me chamar nas redes sociais. \o/

 

Inspirações da semana [38]

Resultado de imagem para inspiração

Olá, pessoas lindas!

Prontas para se inspirar? \o/

Aí vai!

  • O silêncio é indispensável para regenerar o cérebro ~ CONTI outra
  • Somos uma geração confusa: o que ser e fazer? ~ Ser (ainda!) mais feliz
  • Quando desejar demais afasta a realização dos seus sonhos ~ Personare
  • “Vende-se tudo”, texto excepcional de Martha Medeiros sobre o desapego ~ CONTI outra
  • #26 Antes de ir às compras, leia este post ~ parece óbvio

Namastê!

🙂